Rand reflete sobre a importância da mente do homem, e por que ela não pode funcionar sob coerção.